Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.18/985
Título: Registo Nacional de Anomalias Congénitas: relatório de 2008-2010
Autor: Dias, Carlos Matias
Braz, Paula
Machado, Ausenda
Palavras-chave: Estados de Saúde e de Doença
Anomalias Congénitas
Registo Nacional de Anomalias Congénitas
RENAC
Epidemiologia
Data: Jul-2012
Editora: Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, IP
Resumo: O presente relatório abrange um período de 3 anos, compreendido entre 2008 e 2010. O número de nascimentos no Continente e Regiões Autónomas foi de 104935 em 2008, 99872 em 2009 e 101717 em 2010, segundo informação do Instituto Nacional de Estatística. O número de notificações recebidas neste período foi de 853 casos em 2008, 690 casos em 2009 e 655 casos em 2010. No conjunto dos 3 anos foram registadas 3574 anomalias congénitas. As anomalias mais frequentemente registadas foram as do aparelho circulatório (30%) a que correspondeu a prevalência de 37 por cada 10000 nascimentos. Seguiram-se as anomalias do sistema musculoesquelético (17%; 20,2 casos por cada 10000 nascimentos) e das anomalias cromossómicas (11%; 13,1 casos por cada 10000 nascimentos).
Peer review: no
URI: http://hdl.handle.net/10400.18/985
Aparece nas colecções:DEP - Relatórios científicos e técnicos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
RENAC-relatorio_2008-2010.pdf1,23 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.