Repositório Científico do Instituto Nacional de Saúde >
Departamento de Alimentação e Nutrição >
DAN - Posters/abstracts em congressos nacionais >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.18/935

Title: Batatas fritas de pacote: Avaliação de consumo, composição nutricional e sua importância na Nutrição
Authors: Albuquerque, T.G.
Sanches-Silva, A.
Costa, H.S.
Keywords: Composição dos Alimentos
Nutrição Aplicada
Issue Date: 24-May-2012
Publisher: Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, IP
Abstract: Introdução: A prática de hábitos alimentares saudáveis desempenha uma ação preponderante na prevenção e controlo da morbilidade e mortalidade da população em Portugal. Na última década, diversos estudos epidemiológicos têm evidenciado uma relação entre a saúde e o consumo de certos tipos de gordura, nomeadamente pela ingestão de alguns ácidos gordos (AG) específicos. Objetivos e métodos: Este estudo teve como objetivos determinar o teor de gordura total, a composição em AG e o teor de cloreto de sódio, em 18 marcas de batatas fritas de pacote. Os resultados destas determinações, para além de contribuírem com novos dados que podem ser integrados na Tabela da Composição de Alimentos, foram também utilizados para comparar o perfil lipídico dos diferentes tipos de óleos/gorduras utilizados no processo de fritura, em função da marca e da época em que foram comercializados. Resultados: Em relação à gordura total, os teores variaram entre 19,7 e 41,7 g/100 g de batata frita. O teor de cloreto de sódio mais elevado foi de 2,94 g/100 g, na amostra 3 e o teor mais baixo foi de 0,14 g/100 g, na amostra 13. Os teores de AG saturados variaram entre 1,85 ± 0,01 e 19,19 ± 0,51 g/100 g. Os teores de AG monoinsaturados variaram entre 9,49 ± 0,35 g/100 g e 23,67 ± 1,30 g/100 g de batata frita e os AG polinsaturados variaram entre 2,58 ± 0,62 e 18,37 ± 0,32 g/100 g. Em relação aos AG trans observou-se uma variação entre 0,01 ± 0,01 e 0,28 ± 0,01 g/100 g de batata frita. Conclusões: Tendo em conta a extensa variedade de batatas fritas de pacote analisadas verificou-se que a marca 3 pode ser a opção menos correta para a saúde pelo elevado conteúdo em cloreto de sódio, apesar de apresentar um perfil em AG equilibrado e ser frita em azeite. No entanto, a escolha das marcas 2 ou 15 será a mais correta do ponto de vista nutricional, já que a marca 2 é aquela que tem menor teor de gordura total, e apresenta um perfil em AG equilibrado, no qual o ácido oleico é o AG maioritário, e a marca 15 que também apresenta um perfil em AG equilibrado e tem baixo teor em cloreto de sódio.
Peer Reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.18/935
Appears in Collections:DAN - Posters/abstracts em congressos nacionais

Files in This Item:

File Description SizeFormat
APN_2012.pdf835.62 kBAdobe PDFView/Open
Restrict Access. You can request a copy!
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © 2010 www.insa.pt - Todos os direitos reservados | Feedback Ministério da Saúde

Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE