Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.18/5583
Título: Monitorização do teor de açúcar em alimentos disponíveis no mercado português: contributo para promover uma alimentação saudável
Outros títulos: Monitoring sugar content in foods available in the Portuguese market: contribution to promote healthy eating
Autor: Vargues, Andreia Lopes
Fernandes, Paulo
Brazão, Roberto
Dias, M. Graça
Palavras-chave: Alimentação Saudável
Composição dos Alimentos
Teor de Açucar
Consumo
Políticas de Saúde
Saúde Pública
Portugal
Data: 26-Jul-2018
Editora: Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, IP
Citação: Boletim Epidemiológico Observações. 2018 maio-agosto;7(22):10-12
Resumo: O excesso de peso e a obesidade representam um grave problema de saúde pública, que afeta mais de metade da população mundial e que tem enormes implicações no aparecimento de diversas doenças crónicas, nomeadamente diabetes e doenças cérebro-cardiovasculares. Estudos científicos têm evidenciado a associação do consumo excessivo de açúcar ao desenvolvimento da obesidade e da diabetes tipo 2. Neste âmbito, o Governo português aprovou uma Estratégia Integrada para a Promoção da Alimentação Saudável (EIPAS), assente na promoção de um padrão de alimentação saudável que, entre outros objetivos, pretende uma redução progressiva do consumo diário de açúcar. O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, Laboratório Nacional de Referência e parceiro estratégico na implementação da EIPAS, através do seu Departamento de Alimentação e Nutrição, procedeu à monitorização do teor de açúcar em cereais de pequeno-almoço e iogurtes (sólidos e líquidos), disponíveis no mercado português. Estas categorias apresentaram medianas de teor de açúcar de 22,0 g; 12,0 g e 12,1 g, por 100 g (por mL, no caso dos iogurtes líquidos), respetivamente, o que evidencia a necessidade de intervir junto dos operadores económicos e consumidores, para se garantir uma redução para os valores definidos na EIPAS, 5 g/100 g para alimentos sólidos e 2,5 g/100 mL para os líquidos.
Overweight and obesity represent a serious public health problem, which affects more than half the world's population and has enormous implications for the emergence of various chronic diseases, including diabetes, cerebrovascular diseases. Scientific studies have related excessive sugar intake with the development of obesity. In this context, Portuguese Government approved an Integrated Strategy for the Promotion of Healthy Eating (EIPAS), based on the promotion of a healthy eating pattern that, among other objectives, aims at a progressive reduction of daily sugar consumption. The National Institute of Health Dr Ricardo Jorge, National Reference Laboratory and strategic partner in the EIPAS implementation, through its Department of Food and Nutrition, monitored the sugar content in breakfast cereals and yoghurts (solids and liquids) available in the Portuguese market. The categories studied presented medians with a sugar content of 22.0 g; 12.0 g and 12.1 g, per 100 g (or 100 mL, for liquids), respectively, which evidences the need to intervene with economic operators and consumers in order to guarantee an effective reduction for the values defined in EIPAS, for 5 g/100 g for solid foods and 2.5 g/100 ml for liquids.
URI: http://hdl.handle.net/10400.18/5583
ISSN: 0874-2928
2182-8873 (em linha)
Aparece nas colecções:DAN - Artigos em revistas nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Boletim_Epidemiologico_Observacoes_N22_2018_artigo2.pdf635,63 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.