Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.18/4716
Título: Conhecimento, perceção e preferências dos consumidores relativamente aos produtos agrícolas e géneros alimentícios com denominação registada
Outros títulos: Knowledge, perception and preferences of consumers on agricultural products and foodstuffs with registered name
Autor: Sousa, Edite
Albuquerque, T.G.
Costa, H.S.
Palavras-chave: Produtos Agrícolas com Denominação Registada
Géneros Alimentícios com Denominação Registada
Denominação de Origem Protegida
Indicação Geográfica Protegida
Especialidade Tradicional Garantida
Perceção dos Consumidores
Preferências dos Consumidores
Perfis de consumidores
Hábitos de Consumo
Estilos de Vida e Impacto na Saúde
Alimentação e Nutrição
Portugal
Data: 18-Mai-2017
Editora: Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, IP
Citação: Boletim Epidemiológico Observações. 2017 janeiro-abril;6(18):36-39
Resumo: O atual conhecimento da população portuguesa sobre os produtos agrícolas e géneros alimentícios com denominação registada nomeadamente, como Denominação de Origem Protegida (DOP), Indicação Geográfica Protegida (IGP) e Especialidade Tradicional Garantida (ETG), pode ser determinante nas preferências de consumo, podendo influenciar a sustentabilidade regional, social e económica de zonas rurais. O conhecimento sobre estes produtos e estas designações, bem como os hábitos de consumo e razões de escolha por parte dos consumidores portugueses foram objeto deste trabalho. Desta forma, foi elaborado um questionário sobre a temática e foi aplicado a 91 indivíduos em território nacional. Constatou-se que apesar da maioria dos inquiridos conhecer os produtos certificados e os símbolos associados a essa certificação, o consumo é relativamente baixo, não assumindo a preferência por estes produtos. No entanto, os inquiridos consideram que a informação e a divulgação, através dos meios adequados de publicidade e marketing, pode contribuir para o destaque e valorização destes produtos, entendidos pela maioria como sendo de elevada qualidade.
The current knowledge of the Portuguese population on quality schemes for agricultural products and foodstuffs, namely Protected Designation of Origin (PDO) products, Protected Geographical Indication (PGI) and Traditional Speciality Guaranteed (TSG), can be crucial in consumer preferences, and may influence the regional, social and economic sustainability of rural areas. The aims of this study were to assess consumers’ perception concerning these products and designations, as well as consumer habits and reasons of choice. Therefore, a quantitative study was designed, which was based on a questionnaire, applied to 91 individuals in Portugal. It was found that although the majority of respondents recognize the certified products and the symbols associated with this certification, the consumption of these products is low, indicating the low preference for choosing these products regularly. However, a better and more assertive information and dissemination, through appropriate means of advertising and marketing could contribute to the prominence and value of these products considered by most as high quality products.
URI: http://hdl.handle.net/10400.18/4716
ISSN: 0874-2928
2182-8873 (em linha)
Aparece nas colecções:DAN - Artigos em revistas nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Boletim_Epidemiologico_Observacoes_N18_2017_artigo8.pdf699,78 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.