Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.18/3148
Título: Avaliação Externa da Qualidade - Microbiologia do Ar (2010-2014)
Autor: Cano, Manuela
Faria, Ana Paula
Correia, Helena
Brito, Cristina
Rosa, Nuno
Palavras-chave: Avaliação Externa da Qualidade
Microbiologia do Ar
Programa Nacional de Avaliação Externa da Qualidade
PNAEQ
Ar e Saúde Ocupacional
Data: Jun-2015
Editora: Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, IP
Resumo: O Decreto-Lei 79/2006, veio impor regras de eficiência dos sistemas de climatização de edifícios que permitem melhorar o desempenho energético e garantir uma boa qualidade do ar interior, estabelecendo, entre outros, requisitos de qualidade do ar através da adoção de concentrações máximas de referência para poluentes químicos e microbiológicos (bactérias e fungos) e obrigando à realização de auditorias periódicas à qualidade de ar interior (QAI) em edifícios. Face ao aumento significativo das auditorias à QAI surgiu a necessidade de harmonizar procedimentos de amostragem/análise e encontrar soluções para a obtenção de resultados comparáveis. A Unidade de Ar e Saúde Ocupacional (UASO) implementou os procedimentos necessários à acreditação dos ensaios de acordo com o referencial da norma ISO/IEC 17025, indicador inequívoco de competência técnica. Face à inexistência de programas de avaliação externa da qualidade (AEQ) disponíveis a UASO, em colaboração com o Programa Nacional de Avaliação Externa da Qualidade organizou o programa de AEQ – Microbiologia do Ar. O Programa consiste na avaliação do processo de amostragem de ar e análise laboratorial tendo em vista a quantificação de bactérias e fungos em suspensão no ar. São realizados dois ensaios por ano, com avaliação de 2 pontos de amostragem. Os participantes realizam colheitas de amostras de ar, em simultâneo, utilizando os seus amostradores de ar por impacto e placas de Petri contendo agar para isolamento de bactérias e fungos. As placas são posteriormente incubadas. O tratamento dos resultados inclui o cálculo do Índices de Desvio (ID) e o coeficiente de variação, o que permite a classificação dos resultados numa de quatro categorias: Excelente, Bom; Satisfatório e Insatisfatório de acordo com o seu ID. O presente trabalho pretende fazer uma avaliação crítica dos resultados obtidos ao longo de 4 anos de atividade do Programa de Avaliação Externa da Qualidade – Microbiologia do Ar.
Peer review: no
URI: http://hdl.handle.net/10400.18/3148
Aparece nas colecções:DEP - Posters/abstracts em congressos internacionais
DSA - Posters/abstracts em congressos internacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Avaliação Externa da Qualidade - Microbiologia do Ar.pdf576,51 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.