Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.18/3006
Título: Preparação, manipulação e conservação de fórmulas desidratadas para lactentes: manual de boas práticas
Autor: Organização Mundial da Saúde
metadata.dc.contributor.other: Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (colab.)
Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, IP (trad.)
Palavras-chave: Fórmulas para Lactentes
Alimentos para Lactentes - Microbiologia
Contaminação Alimentar - Prevenção e Controlo
Enterobacter sakazakii - Patogenicidade
Salmonella - Patogenicidade
Segurança Alimentar
Orientações
Manual de Boas Práticas
Organização Mundial da Saúde - Manuais
Saúde Pública
Data: 8-Abr-2015
Editora: Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, IP
Resumo: As Fórmulas Desidratadas para Lactentes (FDL) têm sido associadas a doença grave e morte de lactentes devido a infeções causadas por Enterobacter sakazakii. Durante a produção, as FDL podem sofrer contaminações por bactérias perigosas, como Enterobacter sakazakii e Salmonella enterica. De facto, com as tecnologias de fabrico atualmente existentes, não é possível produzir FDL estéreis. Uma incorreta manipulação durante a preparação das FDL pode agravar o problema. Os utilizadores de FDL devem estar cientes de que as Fórmulas Desidratadas para Lactentes não são um produto estéril podendo estar contaminadas com microrganismos patogénicos suscetíveis de provocar doença grave. Uma correta preparação e manipulação das FDL reduz o risco de doença. Este Manual é apresentado em duas partes. Uma primeira parte fornece orientações para a preparação de FDL em estabelecimentos onde estão envolvidos prestadores de cuidados na preparação de grandes quantidades de FDL para um elevado número de lactentes. A segunda parte inclui orientações para a preparação de FDL em casa e é destinada aos pais e outras pessoas envolvidas no cuidado dos lactentes neste tipo de ambiente. O documento fornece orientações específicas sobre as práticas mais adequadas nas diferentes etapas da preparação das FDL nos dois tipos de ambientes referidos. A lavagem e esterilização dos utensílios e equipamento de preparação e de alimentação, são um pré-requisito importante para a utilização segura das FDL. As orientações específicas incidem sobre os pontos mais importantes durante a preparação, tais como a temperatura de reconstituição, os tempos de arrefecimento, de espera e de alimentação, bem como as condições de conservação e de transporte das FDL preparadas. Os critérios subjacentes a estas recomendações são fornecidos em ambos os documentos.
Descrição: Trata-se da versão em língua portuguesa da autoria do Departamento de Alimentação e Nutrição do INSA, do documento publicado originalmente em inglês pelo Departamento de Segurança Alimentar, Zoonoses e Doenças de Origem Alimentar da Organização Mundial da Saúde em colaboração com a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação, em 2007 sob o título "Safe preparation, storage and handling of powdered infant formula: guidelines".
Manual acompanhado de um poster "Preparação de fórmulas em estabelecimentos de prestação de cuidados".
Publicação editada no âmbito das comemorações promovidas pelo INSA do Dia Mundial da Saúde 2015, dedicado à Segurança Alimentar.
Tradutores: Cristina Belo Correia, Isabel Campos Cunha, Margarida Saraiva, Maria Antónia Calhau e Nuno Fernando Rosa
URI: http://hdl.handle.net/10400.18/3006
ISBN: 978-989-8794-06-2
Versão do Editor: http://www.who.int/foodsafety/publications/micro/pif_guidelines.pdf
Aparece nas colecções:DAN - Materiais de difusão da cultura científica e de formação



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.