Repositório Científico do Instituto Nacional de Saúde >
Departamento de Epidemiologia >
DEP - Relatórios científicos e técnicos >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10400.18/286

Title: Vacinação antigripal: cobertura da população portuguesa entre 1998/1999 a 2007/2008
Authors: Nunes, Baltazar
Falcão, José Marinho
Keywords: Epidemiologia
Doenças Evitáveis pela Vacinação
Gripe
Vacinação
Determinantes da Saúde e da Doença
Issue Date: Jun-2008
Publisher: Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge. Departamento de Epidemiologia
Abstract: A gripe é uma doença infecciosa que anualmente é responsável por epidemias sazonais que atingem entre 5 a 20% da população. No presente, a principal medida de prevenção da infecção gripal e das complicações que lhe estão associadas é a vacinação. Neste contexto a monitorização da cobertura da vacina antigripal (VAG), principalmente nos grupos de risco reveste-se da maior importância. Desde a época de 1998/1999 até ao presente, o Observatório Nacional de Saúde actualmente Departamento de Epidemiologia do Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge tem contribuído para a monitorização da cobertura da VAG. Entre 1999 (época 1998/1999) e 2008 (época 2007/2008) foram realizados nove inquéritos telefónicos ao painel de famílias ECOS – Em Casa Observamos Saúde, com o objectivo de estudar a cobertura da VAG na população portuguesa do Continente. A dimensão da amostra de indivíduos em estudo variou ao longo das épocas entre o valor mínimo de 2206 (2005/2006) e o valor máximo de 4167 (2001/2002) (Quadro 2). Na população geral, entre as épocas de 1998/99 e 2007/2008 não se observou um aumento consistente da percentagem de vacinados (de 14,2% IC95%: 11,6%-16,8% a 16,0% IC95%: 14,5%-17,6%). Nos grupos de risco, a cobertura da VAG aumentou claramente e com significância estatística nos grupos de risco: · Idosos (³65 e mais anos) de 31,3% (IC95%: 26,1%-36,9%) para 51,0% (IC95%: 45,8%-56,1%) e; · Diabéticos de 22,5% ( IC95%: 18,5%-28,7%) para 44% (IC95%: 36,0%-52,8%). Pode-se ainda concluir que a meta definida pela OMS e pela DGS para 2006 nos idosos (³65 anos), de uma cobertura da VAG de 50% foi atingida. Nestas circunstâncias, afigura-se importante continuar a promover a vacinação antigripal dos indivíduos com 65 anos e mais assim como dos restantes grupos de risco, uma vez que a meta da OMS para a cobertura da VAG nos idosos de 75% para 2010 é bastante ambiciosa e já se encontra praticamente à vista.
Peer Reviewed: no
URI: http://hdl.handle.net/10400.18/286
Publisher version: http://www.insa.pt/sites/INSA/Portugues/Publicacoes/Outros/Paginas/VAGcobertura19981999a20072008.aspx
Appears in Collections:DEP - Relatórios científicos e técnicos

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Relatório vacinação antigripal 1998-1999 _2007-2008.pdf460.68 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © 2010 www.insa.pt - Todos os direitos reservados | Feedback Ministério da Saúde

Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE