Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.18/1328
Título: Estudo de Comunidades Fúngicas em Arquivos: Implicações na Conservação e na Saúde
Autor: Pinheiro, A.C.
Viegas, C.
Jurado, V.
Sabino, R.
Veríssimo, C.
Rosado, L.
Macedo, M.F.
Palavras-chave: Exposição Ocupacional
Fungos
Arquivos
Infecções Sistémicas e Zoonoses
Data: 2012
Editora: GECoRPA - Grémio do Património
Citação: Anuário do Património 2012;1 (Boas Práticas De Conservação E Restauro):118-120
Resumo: A influência da contaminação fúngica para a saúde ambiental e para a conservação do património é o tema premente e actual que suscitou a hipótese de estudo aqui apresentada. Os fungos, dada a sua extrema capacidade de adaptação, podem colonizar diversos materiais – orgânicos ou não – e a sua acção pode ser mecânica, por intermédio das suas hifas ou química, através dos seus metabolitos.Em termos de conservação do património, os estudos sobre fungos têm suscitado grande interesse dada a sua elevada capacidade de biodeterioração. Tendo inicialmente assentado em técnicas tradicionais de cultur), os estudos mais recentes já incluem técnicas modernas de biologia molecular. O estudo apresentado utiliza ambas as técnicas: a tradicional, recorrendo a meios de cultura e a mais recente, usando o DNA e a amplificação genómica para conseguir identificar os fungos até à espécie. Para conseguir realizar este intuito foi desenvolvida a aplicação da recente técnica de cromatografia líquida desnaturante de alta resolução (DHPLC) à análise de amostras complexas de fungos filamentosos e leveduriformes.A investigação executada permitiu identificar focos de contaminação fúngica que ultrapassam os limites aconselháveis em termos de qualidade do ar interior. As espécies Aspergillus niger, Aspergillus fumigatus ou Stachybotrys atra, todos eles encontrados em ambiente arquivístico são presenças relevantes em termos de qualidade do ar interior pois são indicadoras de más condições ambientais.A optimização da aplicação de cromatografia desnaturante à mistura de leveduras e fungos filamentos permite identificar os componentes da mistura e pode ser usada no contexto clínico e no contexto ambiental, em amostras de papel ou noutro tipo de amostras.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.18/1328
ISSN: 2182-522X
Aparece nas colecções:DDI - Artigos em revistas nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Estudo de comunidades fungicas em arquivos.pdf1,43 MBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.